Categories
all

radio cabeça

Vamos fazer uma analogia. Imagine um rádio FM comum. Imagine as rádios transmitindo suas ondas por todo lugar. Todo rádio recebe as ondas, mas só capta as ondas que estiverem na freqüência sintonizada. Pois bem, nós funcionamos exatamente assim.

Você cria sua própria realidade, e isso é produto direto do que você pense e sente toda hora. Somos arquitetos de nossos destinos, mas muitas vezes ignoramos isso e colocamos a culpa pelo que acontece conosco nas coisas de fora, quando o maior responsável é você. Tudo que é físico tem um campo magnético, e como todo campo magnético ele atrai ou afasta de acordo com a polaridade que emite.

Os opostos se atraem. Essa afirmação é verdadeira se fomos analisar um pólo negativo que atrai um pólo positivo. Os dois se atraem e anulam suas cargas equalizando as energias. Mas isso não significa que uma pessoa negativa atraia uma pessoa positiva. No nosso caso é igual aos rádios, uma pessoa atrai outra que está na mesma sintonia. Elas não precisam nem falar muito pra se compreenderem, quase que têm uma ligação por causa da sintonia. Os opostos nesse caso servem pra um completar uma deficiência que existe no outro, e com isso os dois juntos crescerem, um com as diferenças do outro.

Então quando você está feliz, alegre, contente, você irradia isso, e é como um ciclo virtuoso que você atrai mais energias positivas e essas energias te estimulam a ficar cada vez mais positivo. O mesmo funciona ao contrário, se você está triste, deprimido, revoltado, você irradia isso, e essas energias negativas te puxam cada vez mais pra baixo. Porque dizem que um sorriso pode curar? Porque você consegue quebrar a ligação com as energias que te faziam mal, e começa a se ligar com energias que te fazem melhorar. É incrível como uma boa gargalhada pode mudar totalmente seu humor.

Analisando sob o ponto de vista religioso, é dito “não faça a teu próximo o que você não quer que seja feito pra você” essa afirmação é exatamente isso, se você deseja mal a alguém, você já se contaminou por esse pensamento, porque ele é gerado na sua cabeça e no momento que ele é gerado, você sintoniza com essas aquelas energias.

Não é nada fácil manter a mente sempre sintonizada em energias construtivas, mas é um exercício diário que devemos exercitar a todo minuto. E se revoltar por não conseguir manter o pensamento sintonizado não ajuda nada, porque a revolta em si já é um problema. Temos de ter humildade e reconhecer que ainda somos crianças que estão aprendendo a caminhar, e que vamos levar alguns tombos, mas esses tombos são importantes, porque nos ensinam a cair e levantar pra tentar de novo.

Ouvindo Bitter Sweet Symphony – The Verve.

5 replies on “radio cabeça”

hm… sei mto bem disso.
o melhor de tudo isso, é qdo vc encontra alguem que está na mesma sintonia. é perfeito.
=)

eh, concordo plenamente com isso!
sempre falei isso, q a gente consegue o q deseja, o q irradia…
energia positiva sempre atrai coisa boa… é fato!
tomara q estejamos sempre bem, irradiando e atraindo muita coisa boa!!!!

beijinhossssssssss

taí..boa definição……acho que ando precisando me sintonizar em ondas melhores…..
parabéns pelo “artigo”…
super beijo

[…] mas tem gente que precisa colocar um bombril na antena pra sintonizar melhor, pq ficam muito “nas suas próprias ondas”. Ter energias positivas é algo que todos querem, mas não ocorre todos os dias… Não entendo o pq de algumas pessoas não “se darem ao trabalho” de “passar/compartilhar energias positivas” para os que precisam. Até os que se consideram amigos não participam, por muitas vezes. Sinceramente, vejo um comodismo por parte de muitas pessoas quanto a isso… Será que até nisso o ser humano usa matemática? Será que sempre + com – dá – …? A responsabilidade pode ser do “mal energizado” mas é irritante, ao meu olhar e sentimento de amizade, o comodismo de quem percebe e cria uma espécie de miopia da sensibilidade. =) Beijos e parabéns pelo artigo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.